9 de dezembro de 2009

O Dia Que John Lennon Morreu!!


John Winston Ono Lennon (Liverpool, 9 de Outubro de 1940 — Nova Iorque, 8 de Dezembro de 1980), foi um músico, compositor, escritor e ativista em favor da paz Britânico. É considerado um dos maiores ícones do século XX.

John Lennon, ganhou notoriedade mundial como um dos integrantes do grupo de rock britânico The Beatles(Os Besouros). Na época da existência dos Beatles, John Lennon formou com Paul Mccartney o que seria uma das mais famosas duplas de compositores de todos os tempos, a dupla Lennon/McCartney. Em 1968, John Lennon apaixonou-se pela artista plástica Yoko Ono e depois disto ela se tornou a pessoa mais importante na vida e carreira do músico inglês. Em 1970, os Beatles chegaram ao fim e a partir de então John dedicou-se a carreira solo.

Afastado da música desde 1975, por se dedicar mais a família desde o nascimento de seu filho com Yoko Ono, Sean Lennon, John voltou aos estúdios em 1980 para gravar um novo álbum. Era como um recomeço. Porém em 8 de Dezembro do mesmo ano, John foi assassinado em New York por Mark David Chapman quando retornava do estúdio de gravação junto com a mulher.

Dentre as composições de destaque de John Lennon estão "Help!", "Strawberry Fields Forever" e "All You Need is Love" enquanto fazia parte dos Beatles e "Imagine", "Instant Karma!", "Happy Xmas( War is Over )", "Woman", "(Just Like) Starting Over" e "Watching the Wheels" em carreira solo.

Em 8 de Dezembro de 1980, eu trabalhava na Warner, como divulgador em Porto Alegre, era uma Segunda-feira, a comunicação no mundo não era como hoje, John Lennon foi morto na madrugada em New York, e a notícia chegou a Porto Alegre, mais ou menos as 8 da manhã. Nesta Segunda-feira iriamos fazer a mudança de música de trabalho, de Starting Over para Woman. A noticia da morte de John Lennon deixou o trabalho complicado mais todos os radialistas começaram a tocar Woman, já na sua chegada as rádios e a venda do vinil nas lojas foi loucura. Vamos ver um pouco de John Lennon... Com e sem os Beatles.











Um comentário:

  1. We can still hear that beautiful, otherworldly voice, forever young, eternally irreverent. John Lennon left an indelible mark on our culture that cannot be denied. He is still a very real part of our lives, almost as much as he was all those years ago when he walked among us. Thanks to the miracle of recorded sound, the voice of John Lennon can still be heard, a lingering ghost from our past that refuses to fade into the void. At least we have that to be grateful for. Dr. Winston won't be going away any time soon.

    When a celebrated person passes on, we may pause and reflect for a moment on his or her life and career, but then we move on. We may watch with appreciation the brilliant performance of a long dead James Dean in the film Giant and think not a thing about his absence from our lives. That's not the case in this instance.

    I sure do miss John Lennon.

    Before you cross the street
    Take my hand
    Life is what happens to you
    While you're busy making other plans

    http://www.tomdegan.blogspot.com

    Tom Degan
    Goshen, NY

    ResponderExcluir